Audiometria infantil Condicionada

MAIS
INFORMAÇÕES
Marcação Fonoaudiologia em Casa
Marcação Equipe da Central
Marcação Central na Mídia
Marcação Tratamentos
Marcação Aparelhos e Equipamentos
Marcação Dicas de Saúde
Marcação Depoimentos Sobre a Central
Marcação Rede de Parceiros
Marcação Perguntas Frequentes
Marcação Pesquisa de Satisfação
Marcação Trabalhe Conosco
ESPAÇO
DO CLIENTE
Para acessar, digite seu email e senha abaixo:
esqueci minha senha
 › 
Audiometria infantil Condicionada
quinta-feira, 8 de outubro de 2015
AUDIOMETRIA INFANTIL CONDICIONADA

 

A audiometria é a avaliação comportamental da audição, e a técnica, mas conhecida foi elaborada por dois pesquisadores japoneses: Suzuki e Ogiba, que se basearam no condicionamento do reflexo de orientação (COR – Conditioned Orientation Reflex).

"Baseia-se na apresentação de um estímulo visual estranho à criança; ela tende a procurar a fonte ou a origem do estímulo (reflexo não condicionado) – associamos este reflexo a um tom puro. A criança irá procurar a fonte sonora (o som) sem depender da estimulação visual apresentada." (Portal educação)

Conheça os pontos importantes para a audiometria condicionada:

  • Duas caixas acústicas
  • Audiômetro convencional com saída para as caixas acústicas.
  • Um dispositivo de controle
  • A criança deve estar sentada a aproximadamente 50 cm do equipamento e pode estar sentada no colo da mãe.
  • O estímulo sonoro (tom de frequência média ou grave – 500Hz ou 1000Hz) a 30 ou 40 dBs.
  • O tom apresentado deve durar cinco segundos, seguido de intervalo de um segundo, então é apresentado o estímulo visual.
  • O estímulo visual e sonoro deve ser apresentado alternando os lados, até que a criança procure a fonte sonora antes mesmo que o boneco acenda.
  • O estímulo visual é retirado quando a criança localiza a fonte sonora sem a sua ajuda, então pode iniciar a pesquisa do mínimo de audição para a frequência.
  • A cada quatro ou cinco estímulos sonoros apresentados, ou para uma nova frequência, deve ser apresentada a combinação luz/tom (reforçar o comportamento da criança).
  • A sala onde acontecerá o teste tem que estar de acordo com as necessidades propostas pela técnica; uma sala ampla, com os equipamentos bem-localizados. Deverá haver uma janela para que o examinador, durante o exame, possa monitorar e orientar caso seja preciso. A seguir será mostrada uma ilustração da disposição de equipamentos, profissional e paciente.

O sucesso da avaliação irá depender da atenção da criança, e do esforço do profissional, pois essa avaliação é não fácil. É importante que este exame seja realizado o quanto antes, para que possíveis alterações sejam encaminhadas aos devidos tratamentos.

Estas informações são indicadas por profissionais de fonoaudiologia e em casos de dúvidas procure um fonoaudiólogo que é o profissional indicado para este tipo de especialidade.

Confira os serviços da Central da Fonoaudiologia.

Equipe Central da Fonoaudiologia.

Pré-avaliação via Telefone