Como diferenciar os tipos de Dislalia

Existem tipos diferentes de Dislalia, que como sabemos é um transtorno na articulação dos fonemas que é bem frequente em crianças.

Conheça alguns dos diferentes tipos do transtorno da Dislalia que podem gerar dúvidas e preocupações:

Dislalia funcional – Quando não existe nenhuma alteração orgânica, porém, existe o mau funcionamento dos órgãos articulatórios.

Erros – Existe uma inúmera classificação de erros decorrentes da dislalia e assim encontramos a omissão, a distorção, a adição e a inversão. No caso da omissão, a criança costuma ignorar os fonemas que considera difícil, como por exemplo: “lapi” ao invés de lápis. A substituição ocorre quando a criança troca um som por outro, exemplo: “tasa” ao invés de casa. Distorção é quando a criança emite um som semelhante ao que corresponde, mas está incorreto, exemplo: cardo ao invés de carro.

Alteração no aprendizado – Quando ocorrem traumas emocionais, falta de afeto, violência psicológica entre outras causas.

Estas informações são indicadas por profissionais de fonoaudiologia e em casos de dúvidas procure um fonoaudiólogo que é o profissional indicado para este tipo de especialidade.

Confira os serviços da Central da Fonoaudiologia.

Equipe Central da Fonoaudiologia

Solicite uma ligação de nosso Atendimento
(inclusive aos fins de semana)