Leitura como aliada da fonoaudiologia

Dia 23 de abril é considerado o Dia Mundial do Livro. A data foi adotada pela Conferência Geral da UNESCO para conscientizar a sociedade da importância dos livros. 

A leitura deve ser algo que acompanha o indivíduo desde a infância. A criança que aprende a ler cedo e gosta disto, tem seus horizontes ampliados e torna-se um adulto mais crítico, pois aumenta sua capacidade de conhecimento. Porém, há aquelas crianças que apresentam alguma dificuldade em relação à leitura e, consequentemente, à escrita, que são fundamentais para o desenvolvimento do ser humano.

Uma criança com dificuldade para aprender e desenvolver a linguagem pode ter o Distúrbio de Leitura Oral e Escrita, ou seja, ela apresenta algum déficit que atrapalha sua decodificação e compreensão. Nestes casos, o fonoaudiólogo atua com estímulos precoces para facilitar a aprendizagem e aumentar o nível de interação da criança com o meio em que ela vive.

fonoaudiologia usa da leitura como um recurso para atuar com a prevenção ou reabilitação do distúrbio. O objetivo é desenvolver habilidades associadas à linguagem, que é fundamental para o desenvolvimento da criança. Os pais e professores também podem ajudar estimulando a leitura das crianças em casa e na escola. Cabe ao educador utilizar a leitura compartilhada para promover a aprendizagem em sala de aula que, por sua vez, aumenta o vocabulário e enriquece a compreensão do indivíduo

Solicite uma ligação de nosso Atendimento
(inclusive aos fins de semana)