Processo de leitura labial

MAIS
INFORMAÇÕES
Marcação Fonoaudiologia em Casa
Marcação Equipe da Central
Marcação Central na Mídia
Marcação Tratamentos
Marcação Aparelhos e Equipamentos
Marcação Dicas de Saúde
Marcação Depoimentos Sobre a Central
Marcação Rede de Parceiros
Marcação Perguntas Frequentes
Marcação Pesquisa de Satisfação
Marcação Trabalhe Conosco
ESPAÇO
DO CLIENTE
Para acessar, digite seu email e senha abaixo:
esqueci minha senha
  
Processo de leitura labial
segunda-feira, 14 de julho de 2014
PROCESSO DE LEITURA LABIAL

Leitura Labial

Pessoas com deficiência auditiva podem ser capazes de desenvolver habilidades para se comunicar com indivíduos que componham suas relações sociais. Tais ferramentas são conhecidas como leitura labial (existem outras técnicas), que é a capacidade de compreender o que as outras pessoas lhe falam observando o movimento dos lábios e a expressão facial como um todo.

As táticas para que um deficiente adquira essa capacidade pode variar de método, de acordo com a idade. Por isso, exige exercícios repetitivos e frequentes. As maneiras de aprendizado são por etapas que, com o passar do tempo, aumentam de nível. Fica evidente, porém, que os melhores resultados aparecem através de treinos em conjunto tanto no que se refere a parte auditiva quanto a visual.

Os pais, por sua vez, possuem um papel fundamental no processo de aquisição da técnica de leitura labial, uma vez que o convívio entre eles e o deficiente é frequente. Dessa forma, é fundamental que os pais falem com clareza, sem alterar a articulação, pois o cerne de uma boa leitura labial se apresenta dentro de uma boa articulação, normal e correta.

Segue abaixo, como os pais ou responsável podem melhor se relacionar com um filho ou um parente próximo que tenha deficiência auditiva. Seguem dicas:

  • Converse sempre olhando nos olhos do deficiente;
  • Utilize frases curtas e simples;
  • Não omita palavras;
  • Não altere o ritmo da fala, para que a articulação como um todo não seja prejudicada.

Com essas dicas, será possível que o deficiente tenha um processo de adaptação fundamental para um bom convívio social. A leitura dos lábios é uma importante estratégia de comunicação aos portadores de deficiência. Antes, porém, não deixe de realizar consultas com especialistas na área da saúde, para que os devidos exames sejam realizados.

Pr-avaliao via Telefone