TPM altera voz, segundo estudos

O Transtorno Pré-Menstrual (TPM) pode ocasionar mudanças nas cordas vocais. Estudos realizados por profissionais da área apontam que os distúrbios da voz, conhecido tecnicamente como disfonia são comuns nos dias que antecedem o início do fluxo menstrual e  nos dois primeiros dias da menstruação.

As cordas vocais sofrem alterações em função dos inchaços produzidos pela TPM, esse transtorno hormonal muda à frequência vibratória, deixando a voz mais grave, segundo fonoaudiólogos. O muco, responsável pela proteção e lubrificação das cordas, fica com sua produção prejudicada. Dessa forma, as mulheres apresentam uma voz mais rouca, soprosa e instável.

Para mulheres que trabalham utilizando muito a voz, como professoras e profissionais de telemarketing é aconselhável que suas vozes sejam poupadas durante a TPM e no início da menstruação, mesmo que seja depois do trabalho. É fundamental a ingestão de líquidos. Deve ser evitado o consumo de álcool e estar em lugares que não estejam repletos de fumaça.

O Fonoaudiólogo recomenda que sejam feitos exercícios de aquecimento vocal, especialmente antes do trabalho a fim de minimizar os impactos sobre a voz do profissional. Para mais informações de como a Fonoaudiologia atua para a voz de profissionais entre em contato pelo telefone ou pelo site. A Central da Fisioterapia possui dicas contra a TPM, veja.

Solicite uma ligação de nosso Atendimento
(inclusive aos fins de semana)