Você sabia que a fonoaudiologia ajuda a suavizar sotaques?

O sotaque é a maneira como pessoas de diferentes lugares pronunciam certos fonemas. É uma característica cultural, não uma patologia linguística, portanto, a fonoaudiologia não trabalha com a correção, apenas suavização.

Na maioria das vezes o processo é necessário entre profissionais de rádio ou televisão, como locutores, atores e apresentadores, para que a comunicação seja entendida claramente por todo o público. O processo inverso também é realizado, quando um ator precisa interpretar um personagem que tem um sotaque diferente do seu e precisa ser convincente, por exemplo.

A correção do sotaque é empregada no caso de estrangeiros que desejam aprimorar a pronúncia do português. Falantes de outros idiomas consideram este um dos idiomas mais difíceis pela grande variação de fonemas, portanto, mesmo que a pessoa tenha passado muitos anos no Brasil, terá dificuldade de pronunciar as palavras corretamente.

Segundo fonoaudiólogos, os estrangeiros que buscam auxílio mais frequentemente são os japoneses, pois o R alveolar é um fonema inexistente em seu país; e os alemães, pois pronunciam os fonemas de maneira mais gutural, não conseguindo atingir o tom mais suave utilizado pelos brasileiros.

O tratamento consiste em exercícios que auxiliam na movimentação correta da língua e no trabalho da laringe. Certas vezes, a dificuldade de pronunciar fonemas é causada apenas por distúrbios de motricidade orofacial ou pelo freio da língua ser muito curto.

A Central da fonoaudiologia possui profissionais capacitados a tratar da reabilitação de pacientes no quadro pós-cirúrgico de ortognática. Para saber mais

Solicite uma ligação de nosso Atendimento
(inclusive aos fins de semana)