A Ação da Fonoaudiologia Pós Cirurgia Ortognática

A cirurgia ortognática serve para corrigir o avanço ou a retroação da mandíbula, que se divide em três classes.

Por ser uma cirurgia um tanto “agressiva”, pois remodela a estrutura facial, alterando a posição óssea, fazendo com que a musculatura sofra diretamente com o impacto dessa mudança: o paciente perde a sensibilidade na boca por certo tempo, além de o pós operatório exigir uma série de cuidados como: não falar, não realizar muitos movimentos e não ingerir alimentos sólidos por alguns dias, dependendo da recuperação de cada paciente.

Na fonoaudiologia, existe uma área especializada voltada especificamente para a reabilitação pós-cirúrgica, cuidando da motrocidade oral ou orofacial.

Essa área estuda a musculatura dos lábios, língua, bochechas, face e as funções a elas relacionadas; como a respiração, sucção deglutição e fala (funções estomatognáticas).

Portanto, é essencial que quem passe por esse processo cirúrgico, procure um profissional da fonoaudiologia para agilizar a recuperação, já que o cérebro continua enviando informações como se as arcadas permanecessem na posição anterior, o que faz o paciente se sentir estranho. Então, a fonoaudiologia auxiliará acomodando a musculatura e ajudando nas funções.

A Central da fonoaudiologia possui profissionais capacitados a tratar da reabilitação de pacientes no quadro pós-cirúrgico de ortognática. Para saber mais, entre em contato conosco e agende uma pré-consulta gratuitamente.

Solicite uma ligação de nosso Atendimento
(inclusive aos fins de semana)