Pré-consulta grátis. Solicite mais informações

Lábio Leporinio

DÚVIDAS NO TRATAMENTO?
Entre em contato com a nossa central de atendimento
  4020-6719
MAIS
ACESSADOS
• Transição de Via Alternativa de Alimentação (SNE, SNG, GTT) para via oral
• Paralisia de Pregas Vocais
• Paralisia Cerebral
• AVE (AVC/Derrame)
• Esclerose Lateral Amiotrófica
TRATAMENTOS
RELACIONADOS
• Câncer de cabeça e pescoço
• Distrofia Muscular
• Divertículo de Zenker
• Doença de Huntington
• DPOC - Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica
• Fonoaudiologia no Pré e Pós Cirurgia Bariátrica
• Guillain-Barre
• Lábio Leporinio
• Mãe Dináh era portadora de Miastenia Grave
• Mal de Alzheimer
• Miastenia Grave
• Parkinson
MAIS
INFORMAÇÕES
Marcação Fonoaudiologia em Casa
Marcação Equipe da Central
Marcação Central na Mídia
Marcação Tratamentos
Marcação Aparelhos e Equipamentos
Marcação Dicas de Saúde
Marcação Depoimentos Sobre a Central
Marcação Rede de Parceiros
Marcação Perguntas Frequentes
Marcação Pesquisa de Satisfação
Marcação Trabalhe Conosco
ESPAÇO
DO CLIENTE
Para acessar, digite seu email e senha abaixo:
esqueci minha senha
 › 
Lábio Leporinio

As fissuras labiopalatinas são malformações congênitas que atingem o lábio e o palato (céu da boca). Afetam uma a cada 650 crianças nascidas no Brasil e são consideradas deformações craniofaciais, podendo ser classificadas como anteriores ou posteriores.

Essa anomalia é considerada uma das mais comuns e o tratamento deve ser iniciado desde o ventre materno e continuado após o nascimento, o que envolve vários especialistas tais como: ortodontista, otorrinolaringologista, pediatra, cirurgião plástico, psicólogo, nutricionista e também o fonoaudiólogo, afim de que a criança possa se reabilitar completamente.

A função da fonoaudiologia para o tratamento dessa deformidade é atuar no pré e pós operatório orientando na fase inicial de sucção, alimentação e por consequência, buscar o bom funcionamento das estruturas que sofreram alterações em decorrência da má formação.

Quanto a fase de sucção (alimentação de leite materno), o fonoaudiólogo auxiliará na orientação da escolha do bico de mamadeira mais adequado, a posição correta para amamentar a criança, entre outros, lembrando que no período pós-cirúrgico, não é permitido a utilização de mamadeira, recomendando-se apenas alimentos pastosos por volta de 3 meses.

 

A central da Fonoaudiologia dispõe de profissionais habilitados e especializados no tratamento de Lábio Leporino. Para saber mais, entre contato conosco e agende uma pré-consulta gratuita, será um prazer atendê-lo.

  Dúvidas sobre Lábio Leporinio?
Deixe seu nome e telefone que entraremos em contato com você em no máximo 1 hora
Nome:
Telefone: